Uveíte

O que é uveíte?

Uveítes é a inflamação das estruturas internas do olho.

Quais são os principais sinais e sintomas?

Sensibilidade à luz (fotofobia), visão embaçada, dor, moscas volantes e olho vermelho.

Quais são as causas?

Em alguns casos, a causa da uveíte é desconhecida (uveíte idiopática), produzida por processos imunológicos. Doenças reumatológicas, como artrite reumatóide juvenil e do adulto, a doença de Behçet, lúpus e a espondilite anquilosante também estão incluídas nas causas da uveíte por processos imunológicos. 

As uveítes podem ter causa infecciosa (vírus, bactérias, fungos e parasitas), ser secundária a traumas oculares e a algumas neoplasias (leucemias, linfomas e metástases). Doenças que acomete outras partes do organismo, como toxoplasmose, toxocaríase, tuberculose, sífilis, além de herpes, citomegalovírus e aids são exemplos de causas infecciosas para as uveítes.

As crianças podem ter uveítes?

Sim! Podendo, inclusive, já nascer com comprometimento visual, como na toxoplasmose congênita e rubéola. Outra causa importante de uveíte na infância é a artrite reumatóide juvenil.

A uveíte pode comprometer a visão?

Quando não tratada de forma adequada ou quando o diagnóstico é muito tardio, a uveíte pode causar danos visuais irreversíveis. Pode causar – ainda – glaucoma, descolamento de retina, catarata, além de cicatrizes na retina que causam redução na visão.

Como tratar?

Em muitos pacientes há necessidade não só do uso de colírios, mas também, de medicamentos específicos para a causa da doença (antibióticos, antifúngicos, antivirais). Em se tratando de uma doença reumatológica, autoimune ou de causa desconhecida, os principais medicamentos utilizados são os corticoides e os imunomoduladores. Portanto, a detecção precoce com tratamento bem direcionado e a interação com outras especialidades médicas são importantes para o controle de grande parte das uveítes.