Blefaroplastia

Blefaroplastia

Também conhecida como blefaroplastia, a cirurgia de pálpebra melhora a aparência das pálpebras superiores, das pálpebras inferiores, ou de ambas. A cirurgia proporciona aparência rejuvenescida na área ao redor dos olhos, fazendo com que o olhar pareça mais descansado e alerta.

CONDIÇÕES TRATÁVEIS

  • A cirurgia da pálpebra superior remove o excesso de depósito de gordura que aparece como inchaço nas pálpebras superiores;
  • Pele frouxa ou flacidez que cria dobras ou incomoda o contorno natural da pálpebra superior, às vezes prejudicando a visão, e pode ser tratada com cirurgia de pálpebra superior;
  • A blefaroplastia da pálpebra inferior remove o excesso de pele e rugas finas na pálpebra inferior;
  • Bolsas sob os olhos podem ser corrigidas por blefaroplastia;
  • A cirurgia de pálpebra inferior pode corrigir queda das pálpebras inferiores.

A CIRURGIA É INDICADA PARA MIM?

A blefaroplastia é geralmente realizada em homens e mulheres adultos que têm tecido facial e músculos saudáveis, com metas realistas sobre a cirurgia.

BONS CANDIDATOS À CIRURGIA SÃO

  • Indivíduos saudáveis sem patologia que possa prejudicar a cicatrização ou aumentar o risco da cirurgia;
  • Não fumantes;
  • Indivíduos com perspectiva positiva e expectativas realistas sobre a cirurgia;
  • Indivíduos sem condições oculares graves.

INFORME AO SEU MÉDICO SEUS PROBLEMAS DE SAÚDE

  • Doenças nos olhos tais como glaucoma, olho seco ou descolamento de retina;
  • Distúrbios da tireóide, tal como a disfunção de Graves e hipo ou hipertireoidismo;
  • Doenças cardiovasculares, pressão alta ou demais problemas circulatórios ou diabetes.

O QUE ESPERAR DA CONSULTA CIRURGIA DE PÁLPEBRAS

O sucesso e a segurança do procedimento cirúrgico dependem de sua sinceridade durante a consulta. Você será questionado sobre sua saúde, desejos e estilo de vida.

ESTEJA PREPARADO PARA DISCUTIR

  • A razão pela qual quer se submeter à cirurgia, suas expectativas e o resultado desejado;
  • Condições médicas, alergias medicamentosas anteriores e tratamentos médicos prévios;
  • Uso atual de medicamentos, vitaminas, medicamentos naturais, fumo, álcool e drogas;
  • Cirurgias prévias.

O CIRURGIÃO TAMBÉM PODERÁ

  • Avaliar o seu estado geral de saúde e todas as condições pré-existentes de saúde ou fatores de risco;
  • Tirar fotos para prontuário médico;
  • Discutir as suas opções e recomendar um tratamento;
  • Discutir prováveis resultados da cirurgia e quaisquer riscos ou complicações potenciais.

PREPARANDO-SE PARA A CIRURGIA

Previamente à cirurgia, pode ser necessário:

  • Fazer exames de laboratório ou avaliação médica;
  • Tomar certos medicamentos ou ajustar seus medicamentos atuais;
  • Parar de fumar bem antes da cirurgia;
  • Evitar tomar aspirina e alguns antiinflamatórios e medicamentos naturais, pois podem aumentar o sangramento.

INSTRUÇÕES ESPECIAIS

  • O que fazer na noite anterior e na manhã da cirurgia (tempo de jejum, medicamentos, banho);
  • O uso de anestesia durante o procedimento;
  • Cuidados pós-operatórios.

VOCÊ PRECISARÁ DE AJUDA

Não deixe de pedir a alguém que o acompanhe e que fique com você pelo menos a primeira noite após a cirurgia.

ETAPAS DO PROCEDIMENTO

Etapa 1 – Anestesia

Medicamentos são administrados para o seu conforto durante o procedimento cirúrgico. As opções incluem sedação intravenosa ou anestesia geral. Seu médico irá recomendar a melhor opção para você.

Etapa 2 – Incisão

As linhas de incisão da cirurgia de pálpebra são planejadas para deixar as cicatrizes bem escondidas dentro das estruturas naturais da região das pálpebras. A queda da pálpebra superior pode ser corrigida através de uma incisão na prega da pálpebra superior, permitindo o reposicionamento dos depósitos de gordura, a contração dos músculos e dos tecidos, e/ou a remoção do excesso de pele. A pálpebra inferior pode ser corrigida com uma incisão logo abaixo da linha inferior do cílio. Através desta incisão, o excesso de pele nas pálpebras inferiores é removido. Uma incisão transconjuntival, ocultada dentro da pálpebra inferior, é uma técnica alternativa para corrigir imperfeições da pálpebra inferior e redistribuir ou remover o excesso de gordura.

Etapa 3 – Fechando as incisões

Incisões na pálpebra normalmente são fechadas com:

  • Suturas removíveis ou absorvíveis;
  • Adesivos de pele;

O cirurgião pode usar um peeling químico ou laser para remover a coloração escura das pálpebras inferiores.

Passo 4 – Resultados

Os resultados da cirurgia de pálpebras irão aparecer gradualmente à medida que o inchaço e os hematomas diminuem.

FAÇA PERGUNTAS

É muito importante que você tire todas as suas dúvidas diretamente com o cirurgião plástico sobre o procedimento cirúrgico. É natural que sinta um pouco de ansiedade, seja expectativa com o resultado ou estresse pré-operatório. Não tenha vergonha de discutir estes sentimentos com o cirurgião plástico.

PERGUNTE AO CIRURGIÃO PLÁSTICO SOBRE A RECUPERAÇÃO

  • Onde vou permanecer em recuperação após o término da cirurgia?
  • Qual medicação me será dada ou prescrita após a cirurgia?
  • Será necessário curativo após a cirurgia? Quando será removido?
  • Os pontos serão removidos? Quando?
  • Quando poderei retomar minhas atividades normais e exercício físico?
  • Quando será a consulta de retorno?

Importante: É preciso que se proteja do sol e use óculos escuros até que o processo de cicatrização seja totalmente finalizado.

RESULTADOS

Os resultados finais da cirurgia da pálpebra aparecerão dentro de algumas semanas mas pode levar até um ano para as linhas de incisão refinar totalmente. Embora a cirurgia da pálpebra possa corrigir determinadas condições permanentemente, há o envelhecimento natural. Ao longo da vida é preciso que haja proteção solar adequada para ajudar a manter os resultados.

Fonte: http://www2.cirurgiaplastica.org.br/cirurgias-e-procedimentos/face/cirurgia-de-palpebra/